DreamMedia dá passo de gigante no DOOH com lançamento da DreamMedia Ads

Por a 26 de Janeiro de 2024

A noite desta quinta-feira, 26 janeiro, foi o dia D para a publicidade exterior digital lusa, a digital out-of-home (DOOH). Essa foi a data escolhida pela DreamMedia, empresa de capital nacional, criada de raiz pelo empresário Ricardo Bastos há 20 anos, para lançar o primeiro marketplace de DOOH 100% português. A plataforma digital, alimentada por dados demográficos da MEO Empresas, permite ao anunciante fazer a compra programática de espaço nas redes digitais da operadora espalhadas por todo o país.

Este processo possibilita a otimização de qualquer investimento, de qualquer dimensão, ao trabalhar com dados específicos de cada uma das faces digitais da DreamMedia. É, basicamente, um Google Ads da publicidade exterior digital. Mas português. Esta foi, no entanto, apenas uma das muitas novidades apresentadas na gala de aniversário que decorreu na Sala Tejo da Altice Arena, um evento que reuniu mais de 800 pessoas.

Nas intervenções que fizeram, Ricardo Bastos e a sua equipa não pouparam esforços e aproveitaram a celebração dos 20 anos da empresa para apresentar todo o portefólio da DreamMedia, com enfoque na rede de mobiliário urbano que, apenas um ano após o seu lançamento, já está em 28 municípios, com 3.000 faces digitais instaladas. A nova frota automóvel eco-friendly, que se enquadra na política de sustentabilidade da empresa que já lhe valeu primeiro selo Carbono Zero do setor, também foi desvendada.

A ocasião serviu também para assinalar publicamente o lançamento do maior outdoor digital do país, situado numa das principais entradas de Lisboa, no início da Segunda Circular. O nome dos primeiros anunciantes a verem as suas insígnias no suporte também foram revelados. Hyundai, Super Bock, Licor Beirão, Castro Electrónica foram os estreantes. O evento, que contou com oradores nacionais e estrangeiros, é um dos destaques da nova edição do Meios & Publicidade, disponível a partir desta sexta-feira.

Deixe aqui o seu comentário