JCDecaux liga primeiro mupi digital com informação em tempo real

Por a 18 de Setembro de 2023

A JCDecaux ligou hoje o primeiro mupi digital. Localizado na Rua Braamcamp, próximo ao Marquês de Pombal, resulta do contrato assinado entre a Câmara Municipal de Lisboa e a JCDecaux e a eletrificação do equipamento insere-se no projeto de transformação de Lisboa, para a tornar numa das cidades mais digitais da Europa.

Os ecrãs digitais de alta-definição de 2m2 a instalar pela JCDecaux em Lisboa vão exibir “informação horária e de temperatura do ar atualizada em tempo real, e disponibilizar às marcas conteúdos dinâmicos que promovem um maior potencial de impacto, envolvimento e eficácia, para alcançar as mais de 970 mil pessoas que vivem ou trabalham na cidade e que representam 9,4% do total da população nacional e 18,8% do poder de compra do país”, informa a empresa em comunicado.

“Nas próximas semanas, continuaremos a trabalhar para tornar Lisboa uma cidade mais harmoniosa, tecnológica e sustentável. Aliás, 2023 será o ano do maior investimento do Grupo JCDecaux em Portugal, o que reflete não apenas a ambição da empresa em reforçar a sua posição pioneira e inovadora no mercado nacional da comunicação exterior, como também a sua missão de contribuir para a melhoria do espaço urbano através do desenvolvimento e implementação de soluções únicas, inovadoras e, acima de tudo, sustentáveis”, sublinhou Philippe Infante, diretor-geral da JCDecaux Portugal.

O contrato para a instalação e exploração publicitária de mobiliário urbano e equipamentos digitais de grande formato em Lisboa abrange a instalação de equipamentos de 2m2 (abrigos de passageiros e mupis) e de grandes formatos 100% digitais. Inclui ainda um conjunto de serviços de utilidade pública, como novas funcionalidades nos abrigos (Wi-Fi, tomadas USB, terminais de informação aos passageiros), sanitários de manutenção automática (alguns de acesso adaptado a pessoas com mobilidade reduzida) e uma plataforma de comunicação em tempo real reservada à comunicação institucional do Município de Lisboa.

Deixe aqui o seu comentário