Sustentabilidade em Ação: A Visão da iServices e o impacto transformador dos equipamentos que são Reparados, Recondicionados e Reutilizados

Por a 12 de Julho de 2023
Foto: Filipe Pombo

Foto: Filipe Pombo

A visão de sustentabilidade da iServices, empresa líder em Portugal na Reparação e Recondicionamento de Equipamentos Multimarca, assenta em construir um futuro em que a tecnologia seja utilizada de forma responsável e consciente.

Além de fornecer serviços de reparação de confiança, a iServices procura educar os clientes, parceiros e fornecedores sobre os benefícios dos equipamentos recondicionados, o consumo responsável e a reciclagem adequada dos dispositivos eletrónicos no final da sua vida útil. “Estamos comprometidos em fornecer informações claras e transparentes sobre os nossos processos e práticas, promovendo a máxima transparência e confiança” afirma o Vânia Guerreiro, Diretora de Marca e Comunicação da iServices.

Assente no reconhecimento de que o consumo de equipamentos eletrónicos tem um impacto negativo sobre o ambiente, a iServices é a empresa que realiza a reparação e o recondicionamento de equipamentos para garantir o desperdício zero na gestão de todos os recursos utilizados, promovendo ativamente a economia circular, com foco nos 3 R´s: Reparar, Recondicionar e Reutilizar. Esta abordagem da empresa está totalmente alinhada com a visão estratégica da Comissão Europeia que lançou em março deste ano a iniciativa “Direito à Reparação”. A proposta na Nova Agenda do Consumidor  e no  Plano de Ação para a Economia Circular aborda os obstáculos que desencorajam os consumidores a reparar devido a inconvenientes, falta de transparência ou dificuldade de acesso aos serviços de reparação. Portanto, incentiva as reparações de equipamentos eletrónicos, como opção de consumo mais sustentável, que contribui para os objetivos climáticos e ambientais do Pacto Ecológico Europeu.

A diretora da iServices salienta que “Existe, de um modo generalizado, uma crescente consciência de que é urgente alterar os hábitos de consumo e incentivar uma utilização mais sustentável e responsável dos equipamentos eletrónicos. Uma noção de verdadeira economia circular na tecnologia, conceito que, desde a sua fundação, tem sido defendido pela iServices, ou não estivesse profundamente enraiza­do naquilo que é o “core” do seu negócio. Vânia Guerreiro refere ainda que “Além dos serviços de reparação, a venda de equipamentos recondicionados constitui uma alternativa ecológica, prevenindo a compra de novos equipamentos e diminuindo, assim, não só a pegada ecológica, mas também os resíduos elétricos e eletrónicos”.

A empresa defende também que esses dados são argumentos de peso para o consumidor, num contexto em que todos estamos a par dos fenómenos ambientais causados pelo aquecimento global e sobre-exploração dos recursos naturais do nosso planeta.

“O desperdício eletrónico é uma das fontes de poluição de crescimento mais rápido no mundo. Todos os anos, cerca de 50 milhões de toneladas de lixo eletrónico são geradas e apenas 20% é devidamente reciclado. Assim, a compra de equipamentos recondicionados é um passo cada vez mais importante para uma economia circular que minimize o desperdício e maximize a eficiência dos recursos.” salienta Vânia Guerreiro.

A responsável da marca lembra a importância da “aquisição de equipamentos recondicionados, que possuem uma elevada qualidade e, em simultâneo, contribuem para a sustentabilidade do planeta. No que toca ao setor das telecomunicações, estamos habituados a ver filas intermináveis para comprar o último modelo de telemóvel, mas sabemos que a curto-médio prazo estas práticas não são sustentáveis para o planeta. O mundo digital representa já 4% das emissões globais de carbono e o grande impacto da tecnologia na quantidade de lixo produzido prende-se, acima de tudo, com a produção de novos dispositivos.” Assim sendo, na iServices defende-se a necessidade, urgente, de alterar os hábitos de consumo, incentivando a uma sustentável utilização e reutilização de todos os equipamentos.

Nos produtos de marca própria estão também comprometidos com uma estratégia de eliminação do plástico e de substituição dos materiais de embalagem por alternativas

ambientalmente amigáveis: “Sabemos que existe uma crescente expectativa dos consumidores por alternativas eco-friendly e, por esta razão, assumimos a nossa quota de responsabilidade para a criação de alternativas que visam a redução de plástico no consumo quotidiano.” Vânia Guerreiro sabe que estas mudanças obrigam a um esforço financeiro e de inovação, para encontrar as melhores alternativas, mas são também elas que “permitem continuar a disputar e a conquistar a preferência e a confiança de todos os clientes”.

Desde a fundação da iServices, em 2011, que a sua atividade, missão, visão, valores e propósito viabilizam um futuro melhor para todos. É esse o seu compromisso, com a Humanidade e com o Ambiente. O consumo global de smartphones, tablets, computadores pessoais e outros dispositivos eletrónicos aumenta todos os anos e, obviamente, reconhecem os benefícios evidentes em áreas tão abrangentes como a saúde, educação, finanças e comércio. Mas há o lado negativo: O planeta está a assistir em direto a uma espécie de tsunami crescente de lixo eletrónico e a iServices admite estar preocupada. Sabe-se que, globalmente, apenas 20% do lixo eletrónico é formalmente reciclado. Os restantes 80% terminam em aterros, ou são eliminados de outras formas não adequadas para o meio ambiente.

No geral, a visão de sustentabilidade da iServices reflete o seu compromisso em ser uma empresa ambientalmente consciente e, também, económica e socialmente responsável.

Através da implementação de práticas sustentáveis em todas as áreas do seu negócio e da procura por soluções tecnológicas inovadoras, a iServices aspira alcançar mudanças positivas, promovendo um futuro mais sustentável para as gerações presentes e futuras.

“No ano passado, poupamos mais de 25 toneladas de Lixo Eletrónico proveniente de 144.376 equipamentos reparados, recondicionados ou reutilizados. Com os mesmos equipamentos, no mesmo período, poupámos mais de 10.000 toneladas de CO₂ à atmosfera. Na iServices orgulhamo-nos em contribuir diariamente para um impacto ambiental cada vez mais positivo no Planeta.”, salienta Vânia Guerreiro.

Investir numa tecnologia sustentável é o objetivo estratégico e visionário da iServices para os próximos anos. Ao colocar a sustentabilidade no centro das suas prioridades, a empresa mostra um compromisso real com a proteção do meio ambiente e com a procura por soluções inovadoras. Essa abordagem não só beneficia o planeta, como traz vantagens competitivas e múltiplas oportunidades de negócios.

A aposta em práticas sustentáveis e o investimento em tecnologias limpas e renováveis, permitirá à iServices construir um caminho positivo e inspirador para as gerações futuras.

 

Deixe aqui o seu comentário