Primeiro festival do Clube da Criatividade sublinha que “nenhum criativo é uma ilha”

Por a 10 de Março de 2023

“Traz outro amigo também” é o mote para aquele que será o primeiro Festival CCP e a primeira Semana Criativa de Lisboa desde que passou a assumir a designação de Clube da Criatividade de Portugal, sendo ao mesmo tempo o ano de celebração dos 25 anos desde a fundação do clube.

Passadas duas décadas e meia, hoje “com orçamentos minguados, media fragmentada, um consumidor que escolhe o que quer ver e o pessimismo a dominar o mundo, o CCP continua aqui, para honrar o espírito com que foi criado: o de valorizar a criatividade portuguesa na publicidade e no design e os profissionais que nela trabalham”, salienta Susana Albuquerque, presidente da direção do clube que impulsionou a alteração de designação, reconhecendo que “é inevitável ligar a mudança de nome a esta mudança de contexto”.

“Mais do que nunca, a criatividade precisa de amigos. Longe vão os tempos em que ela era o show de um criativo só. Se é que alguma vez foi. Contra a pulverização dos orçamentos, a fragmentação dos media, a desatenção das pessoas e o pessimismo instalado, é preciso uma aldeia para que saia uma boa ideia”, explica Susana Albuquerque num comunicado emitido pela direção do clube a propósito da divulgação do tema e imagem escolhidos para esta edição, chamando a atenção para o facto deque “nenhum criativo é uma ilha”. “Este festival, o dos 25 anos do CCP, é sobre o arquipélago de gente que é preciso juntar para andarmos para a frente”, remata.

A identidade gráfica do 25º Festival CCP 2023 e da 10ª Semana Criativa de Lisboa têm assinatura de Diogo Potes, designer e diretor criativo do Studio Potes. “A ideia foi fazer uma imagem colorida e divertida, tal como todos os trabalhos a concurso. No tema propriamente dito, simples, como uma rede de amigos que se ligam”, descreve o designer convidado pela direção do clube sobre a identidade criada para esta edição, que terá lugar entre os próximos dias 19 e 26 de maio.

Deixe aqui o seu comentário