Connect for Ukraine: Até 70 mil pessoas esperadas em cinco dias de festival solidário

Por a 5 de Agosto de 2022

Áurea, HMB, Luís Represas, Matias Damásio ou Martinho da Vila são alguns dos nomes que se vão juntar a artistas ucranianos como Anna Trincher, Kola, Dzidzio, Oleksandr Ponomariov ou IrynaFedyshyn no cartaz do festival solidário Connect for Ukraine, em Oeiras. Promovido pela associação Ukhrainian Refugees for Portugal (UA.PT), o evento surge com o objetivo de “mobilizar a energia de todos em nome da paz” e garantir “a manutenção do apoio humanitário à população ucraniana”.

O festival, que irá decorrer ao longo de cinco dias no Estádio Mário Wilson, em Oeiras, arranca no próximo dia 24 de agosto, dia em que se celebra a independência da Ucrânia. “Vão ser dias de verdadeiro intercâmbio cultural e de celebração da vida em democracia, iniciando-se com uma bandeira humana gigante ao som da Orquestra Ibérica, que interpretará o hino de Portugal e o hino da Ucrânia”, antecipa a organização, que espera mobilizar cerca de 70 mil pessoas ao longo dos cinco dias de festival, sendo que o estádio tem capacidade para receber 14 mil pessoas por dia. Os bilhetes diários custam 20 euros e as receitas revertem na totalidade em prol de iniciativas de assistência à Ucrânia e à população ucraniana que se viu forçada a abandonar o país desde que, a 24 de março, o país foi invadido pelas forças russas.

O festival Connect for Ukraine, que decorre de 24 a 28 de agosto, conta com o apoio da Câmara Municipal de Oeiras e da Fundação Marquês de Pombal, além de marcas como a Auchan, GuronEnergy, Heineken, Bandida do Pomar, Rkesa ou Vila Galé.

Deixe aqui o seu comentário