Edson Athayde: “Quando uma empresa chega ao topo mundial significa que toda uma indústria e um país chegam ao topo juntos”

Por a 22 de Junho de 2022

Ana Paula Costa, Edson Athayde e Viton Araújo, em Cannes

É o comentário de Edson Athayde, CEO e CCO da FCB Lisboa, depois de a sua agência ter sido a primeira do mercado português a ganhar um grande prémio no festival de Cannes. “Quando uma empresa chega ao topo mundial significa que toda uma indústria, todo um sem número de talentos, todo um país chega ao topo junto. Este grand prix é da FCB Lisboa mas também de uma multidão. A todos agradecemos e reafirmamos a nossa ambição de que juntos podemos ir ainda mais longe”, declarou Edson Athayde, a propósito do prémio máximo conquistado na categoria de Design pelo projeto Reconstituição Portuguesa. A entrega de prémios decorreu esta terça-feira, ao final do dia, em Cannes.

Tal como o M&P avançou em primeira mão esta terça-feira, trata-se de uma conquista inédita de uma agência nacional. Além do grand prix de Design, Reconstituição Portuguesa foi ainda distinguida com um leão de bronze na categoria de Industry Craft. “Este grande prémio reconhece o talento, a perícia e a mestria que é necessária para desenvolver e dar vida a uma ideia criativa com o poder de surpreender”, reforça a FCB Lisboa, em comunicado.

Para o projeto Reconstituição Portuguesa, inspirados na técnica de blackout poetry, um coletivo de poetas e ilustradores liderado pela dupla criativa da FCB Lisboa, Viton Araújo e Diego Tórgo, aplicou o lápis azul sobre as palavras da Constituição de 1933, distorcendo e subvertendo as suas palavras, rasurando e desenhando, dando origem a poemas e ilustrações que exaltam os valores de Abril.

A iniciativa Reconstituição Portuguesa deu origem a um livro publicado pela Companhia das Letras (Penguin Random House). O livro foi lançado no dia 25 de Abril no Museu do Aljube, no âmbito das comemorações dos 48 anos da Revolução dos Cravos.

Stream and Tough Guy e This is Pacifica também subiram ao palco

CO2AT, projeto assinado pela Stream and Tough Guy e This is Pacifica, conquistou um leão de ouro e outro de bronze, também na categoria de Design. Desenvolvido para a marca Azgard9, o projeto CO2AT consiste num casaco capaz de produzir oxigénio. Este trabalho tinha já alcançado distinções internacionais nos ADCE Awards e no The One Show. Neste último, foi também em Design que o projeto CO2AT valeu à Stream and Tough Guy e This is Pacifica um lápis de ouro, ao qual se somou ainda uma distinção de mérito na categoria de Marketing Direto. Com dois ouros, uma prata e um bronze, foi considerado, no final de 2021, o melhor trabalho em design na edição deste ano dos ADCE.

Logo no arranque do festival, a Havas Lisboa ganhou um leão de prata na categoria de Outdoor graças à campanha The Day-After-Women’s-Day Newspapers para a associação Raparigas da Bola. O festival termina sexta-feira, até lá há mais sete finalistas portugueses que podem chegar a leão. 

Deixe aqui o seu comentário