Audiências TV: TVI reduz distância mas SIC segura liderança

Por a 7 de Fevereiro de 2022

O consumo de TV diário por indivíduo apresenta uma quebra esta semana, face à semana passada, e apresenta agora um valor de 5h30m diárias, o que significa que o consumo por indivíduo caiu cerca de cinco minutos. No que se refere à equação da quota de audiência por canal, RTP1 e TVI são os canais em crescimento esta semana, ao contrário de SIC e Cabo, que descem, com o Outros relativamente estável. Dessa forma, a RTP1 reforça o seu share até aos 11,8%, a SIC quebra e tem agora 17,7% de share semanal e a TVI recupera até aos 17,1% de quota semanal, aproximando-se bastante do valor da SIC. A oferta Cabo apresenta tendência descendente e tem esta semana 37,1% de quota; já o Outros (que inclui o visionamento em time shift, streaming e vídeo/jogos) está em clima de estabilidade, desce uma décima, registando agora um share semanal de 14,4%.

Esta semana a CMTV lidera de forma destacadíssima, com a CNN Portugal a permanecer na segunda posição. Na posição seguinte está a SIC Notícias, que regressa assim ao pódio da oferta cabo, e seguem-se Hollywood, Globo e TVI Reality. Nas restantes posições estão o Canal 11, a Fox, o Disney Channel e a Fox Life.

Numa semana com duas galas do Big Brother Famosos – na terça-feira e no domingo – os conteúdos relacionados com o reality show da TVI ocupam as quatro primeiras posições da tabela: Big Brother Famosos lidera, seguido por Big Brother Famosos – Governo Big Brother, Big Brother Famosos – Expulsão e Big Brother Famosos – Ao Contrário. O Jornal da Noite, da SIC ocupa a posição restante e fecha a tabela dos mais vistos da semana.

Já no top 5 dos mais vistos do cabo todas as posições são ocupadas por conteúdos noticiosos da CMTV do dia 5 de fevereiro, dia em que o resgate do pequeno Rayan teve o seu triste desfecho; na liderança está CM Jornal 20H, que é também o programa mais visto da cabo em 2022 (até à data), seguido por Jornal 7, Jornal 6 e Notícias CM. O Especial CM/ Operações de Resgate de Rayan fecha o ranking da oferta paga.

Análise Data Insights do Havas Media Group

Deixe aqui o seu comentário