Cofina quer direcção geral editorial a “potenciar poupanças e sinergias” entre CM, CMTV e Sábado

Por a 25 de Novembro de 2021

A Cofina confirmou oficialmente que Eduardo Dâmaso, até aqui director da Sábado, passará a director-geral adjunto da direcção geral editorial, estrutura que agrega o Correio da Manhã, a CMTV e a Sábado e que tem como director-geral Carlos Rodrigues. A informação tinha sido avançada pelo M&P na semana passada.

Já a pessoa designada para dirigir a revista Sábado “será comunicada atempadamente”, de acordo com a Cofina, apesar de Sandra Felgueiras ser dada como certa no cargo. A Cofina confirma entretanto que está em vista uma “reformulação da revista Sábado” que “possibilitará alargar a capacidade instalada do jornalismo de investigação e levar a marca Sábado a uma presença regular na antena da CMTV”.

A expectativa da Cofina é que o modelo de direcção geral editorial permita “gerar conteúdos jornalísticos para as diversas plataformas, aumentando também a sua diversidade, incrementando a eficácia na gestão de meios da redacção, com melhoria da operação em todas as publicações e potenciar poupanças e sinergias, acrescentando linhas de reforço do rigor na gestão orçamental”.

Na estrutura, Eduardo Dâmaso terá a seu cargo a articulação estratégica entre os meios, trabalhando com Carlos Rodrigues na concepção, criação e implementação “permanente de fluxos de notícias. Simultaneamente integrar-se-á também na estrutura de comando do Correio da Manhã, aportando um reforço substancial à qualidade da equipa do jornal”, destaca a Cofina, em comunicado.

Armando Esteves Pereira será o director geral adjunto para todo o universo Correio da Manhã, tendo como missão acompanhar a equipa gráfica, a revisão e a produção tipográfica da edição em papel. Já o director-adjunto do CM, Alfredo Leite, continua responsável pela gestão editorial dos sites, “podendo assumir funções de chefia integrada sempre que a necessidade estratégica da direcção-geral o exija”.

Deixe aqui o seu comentário