Primark garante que toda a roupa será feita de materiais reciclados ou sustentáveis em 2030

Por a 15 de Setembro de 2021

A Primark apresentou a sua estratégia de sustentabilidade em que se compromete, no prazo de 10 anos, em reduzir o desperdício no sector da moda, diminuir para metade as emissões de carbono na sua cadeia de valor e melhorar as condições de vida das pessoas que produzem os seus produtos.

A marca promete no programa Primark Cares que toda a sua roupa será produzida a partir de materiais reciclados ou de origem mais sustentável até 2030, o que actualmente já acontece em 25 por cento de todas as vendas. Já no próximo ano todas as t-shirts básicas de homem, mulher e criança passem a ser feitas com algodão de origem sustentável. A Primark irá introduzir mudanças no processo de design para garantir que as roupas possam ser recicladas quando deixarem de ser usadas de modo a reduzir o desperdício têxtil.

Paul Marchant, CEO da Primark, refere que “uma em cada quatro peças de roupa que agora vendemos pertence à nossa gama de produtos Primark Cares, produzidos com materiais reciclados ou de origem mais sustentável. Os nossos novos compromissos marcam uma aceleração significativa no ritmo e na escala da mudança, obrigando-nos a pensar de forma diferente sobre a forma como fazemos negócio. Desde a forma como as nossas roupas são concebidas e produzidas, até ao modo como as vendemos nas lojas. Não temos todas as respostas e sabemos que não podemos fazer isto sozinhos. Estamos empenhados em trabalhar em parceria com a indústria para impulsionar uma mudança real em grande escala”, referiu em comunicado.

A Primark irá também trabalhar com os seus fornecedores para reduzir para metade as emissões de carbono da sua cadeia de valor. Serão eliminados os plásticos de uso único em toda a operação. Outro dos compromissos consiste em assegurar um salário justo para os trabalhadores dos seus fornecedores.

Deixe aqui o seu comentário