“Mercado do cinema em Portugal deixa de estar verticalmente integrado num único player”

Por a 27 de Maio de 2021

A Cinemundo vai passar a assegurar a distribuição do catálogo da Warner Bros em Portugal, que até aqui era da responsabilidade da NOS. O acordo tem efeitos a partir de Julho e representa cerca de 35 por cento do mercado de cinema nacional. A Cinemundo tinha desde Abril de 2020 o catálogo da Universal Studios, detendo até aqui uma quota de oito por cento do mercado.

Para Miguel Chambel, CEO da Cinemundo, “através da distribuição dos dois catálogos de peso como a Universal Studios e a Warner Bros Pictures, a Cinemundo tem a convicção, de que contribui para um mercado do cinema mais justo e equilibrado em Portugal, uma vez que o mesmo deixa de estar verticalmente integrado num único player, posicionando a Cinemundo como uma distribuidora em franco crescimento, um nome a ter em conta no meio cinematográfico nacional, com uma variada oferta de filmes e sucessos, que vão desde os blockbusters internacionais, às apostas independentes”.

A Universal Pictures Portugal vai lançar este ano filmes como Velocidade Furiosa 9, Halloween Mata, Boss Baby – Negócios de Família, Cantar 2 e Downton Abbey 2. Já a Warner Bros Picture apresenta como novidades O Esquadrão Suicida, Dune (Duna) e The Untitled Matrix Film.

Deixe aqui o seu comentário