Filipa Martins troca Sapo pela direcção-geral da Edenred

Por a 10 de Fevereiro de 2021

Filipa MartinsFilipa Martins, que deixou a direcção-geral do Sapo no final de Janeiro para iniciar um novo desafio profissional, vai liderar a operação nacional da Edenred, empresa que actua na área dos benefícios extra-salariais. A profissional assume funções como directora-geral da Edenred Portugal, reportando directamente a Bertrand Dumazy, presidente e CEO do grupo Edenred.

“É com grande entusiasmo que me junto ao projecto da Edenred Portugal, especialmente, no actual contexto de pandemia global e crise económica, no qual o mercado dos benefícios sociais pode ter tantos impactos sócio-económicos”, afirma Filipa Martins, sublinhando que, “para além do sector da restauração e bens alimentares que o cartão Euroticket permite dinamizar, muitas outras áreas de actuação podem usufruir de soluções Edenred como mecanismo de dinamização económica de indústrias e apoio social de trabalhadores, como as áreas da educação, saúde, turismo e cultura”. “Outro desafio do sector é a transformação digital que está a atravessar”, aponta a responsável.

Filipa Martins esteve à frente do portal Sapo nos últimos cinco anos, onde tinha sob a sua responsabilidade as equipas de produto, comerciais e tecnológicas da marca detida pela Altice Portugal. A profissional integrava os quadros da empresa desde 2004, tendo começado por liderar a equipa de gestão de parcerias de conteúdos. Era também administradora não executiva das empresas Sportinveste Multimédia, Janela Digital e Venda Já.

Na estrutura do Sapo, Filipa Martins não será substituída já que a Altice avançou com uma reorganização da equipa, que passará a estar integrada noutras áreas da empresa. Como explicava ao M&P a empresa liderada por Alexandre Fonseca, “a Sales House Digital integra a equipa de negócio do segmento B2B, a área de comunicação do Sapo integra a direcção de coordenação institucional, corporativa e comunicação da Altice Portugal, e as restantes áreas são integradas no segmento B2C”.

Deixe aqui o seu comentário