RTP África e novo canal público dedicado ao conhecimento vão entrar na TDT

Por a 10 de Novembro de 2020

Nuno Artur SilvaO governo decidiu seguir a decisão do Parlamento que propõe a inclusão de dois canais públicos na TDT: a RTP África e um novo canal dedicado ao conhecimento.

Nuno Artur Silva, secretário de Estado do Cinema, Audiovisual e Media, avançou na audição conjunta das comissões parlamentares de Orçamento e Finanças e de Cultura e Comunicação, que o governo irá seguir “a decisão da Assembleia que propunha que os dois canais disponíveis no primeiro MUX [bolsa de canais] da televisão digital terrestre ficassem no serviço público da RTP”.

O canal RTP África deverá “contribuir para uma melhor inclusão das comunidades afrodescendentes em Portugal e reforçará também a ligação entre Portugal e os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa”, declarou o governante, citado pela Lusa. Como este canal já existe, os custos da sua inclusão na TDT “serão bastante pequenos e perfeitamente comportáveis dentro do orçamento da RTP para este ano”.

Já no que respeita ao canal do Conhecimento, “o projecto é que ele seja articulado e desenvolvido com a contribuição das universidades e é um projeto que obviamente carecerá de desenvolvimento”.

Actualmente, estão disponíveis na TDT a RTP1, RTP2, SIC, TVI, RTP3, RTP Memória e o canal Parlamento (AR TV).

Deixe aqui o seu comentário