Manuel Alves Monteiro deixa MC, Mário Ferreira na presidência

Por a 10 de Novembro de 2020

media capital logo certoManuel Alves Monteiro vai deixar de ser CEO da Media Capital no dia 24 deste mês, data para a qual está marcada a assembleia geral do grupo, na qual serão eleitos os novos órgãos sociais, nomeadamente o conselho de administração. Mário Ferreira, accionista maioritário, será proposto para presidente.

Escolhido em Abril para administrador não executivo, tendo passado depois a CEO, Manuel Alves Monteiro cessa funções daqui a duas semanas, bem como os restantes cinco membros do actual conselho de administração.

A informação foi avançada pela Media Capital, que acrescenta que Luis Cunha Velho, que nos últimos meses desempenhou as funções de assessor do CA da Media Capital e de vogal do CA da TVI, vai assumir transitoriamente o lugar de CEO do grupo. O antigo director-geral da TVI e também da Plural, desempenhará as funções transitoriamente, ” dando tempo para que a nova estrutura acionista proceda à escolha de uma solução de gestão executiva definitiva”, diz o grupo.

Mário Ferreira proposto para presidente

Entretanto, a  Pluris Investments, S.A., a Triun, SGPS, S.A., a BIZ Partners, SGPS, S.A., a CIN – Corporação Industrial do Norte, S.A., a Zenithodissey – Lda., a Fitas & Essências, Lda., a DoCasal Investimentos, Lda. e Manuel José Lemos de Ferreira Lemos apresentaram uma prosposta para os órgãos sociais.

Mário Nuno Dos Santos Ferreira é proposto para presidente e Paulo Alexandre Francisco Gaspar para vice-presidente.

Como vogais são indicados Avelino da Mota Francisco, Cristina Maria Jorge Ferreira, João Luís Baldaque da Costa Serrenho,  Luís Manuel da Cunha Velho, Miguel Maria Bragança Cunha Osório Araújo, Paula Cristina Domingues Paz Dias Ferreira e Rui Armindo Da Costa Freitas.

Deixe aqui o seu comentário