Global Media Group avança com reestruturação da área comercial

Por a 15 de Outubro de 2020

Global MediaA área comercial do Global Media Group foi alvo de uma reestruturação, com o grupo a justificar a decisão de “reorientar e agilizar a organização das suas equipas comerciais” com o objectivo de “dar aos anunciantes resposta mais rápida e eficiente às suas necessidades”. As mudanças na estrutura comercial do grupo, que servem o propósito de desenvolver um “modelo de comercialização transversal e integrado das várias marcas do grupo”, surgem na sequência da saída Luís Ferreira, que ocupou a direcção-geral comercial da Global Media nos últimos dez anos e anunciou no final do último mês que iria deixar o grupo.

Na nova estrutura, a área comercial fica distribuída por seis profissionais: Frederico Almeida Dias (Direcção Comercial Agências), Pedro Fernandes (Direcção Comercial Directos Sul), Vítor Cunha (Direcção Comercial Agências e Directos Norte), Miguel Simões (Direcção Comercial TSF), Luís Barradas (Direcção Comercial Projectos, Activações e Conteúdos) e Carlos Rebocho (Coordenação Comercial Classificados).

“O redesenho da estrutura organizativa assenta nos três principais pilares do negócio – a área comercial; a área de projectos e activações; e a área de conteúdos – num modelo de comercialização transversal e integrado das várias marcas do grupo, em que cada elemento da equipa comercial tem a possibilidade de oferecer ao mercado todas as soluções de comunicação que o GMG disponibiliza”, esclarece o grupo em comunicado.

O grupo que detém marcas como Jornal de Notícias, Diário de Notícias, Dinheiro Vivo, O Jogo ou TSF, recorde-se, está em processo de mudança da estrutura accionista. Em Setembro, Marco Galinha, fundador do grupo Bel, chegou a acordo para integrar a estrutura, tornando-se, ao que se sabe, o accionista maioritário do grupo. Entretanto, Domingos de Andrade, director do Jornal de Notícias, foi cooptado vogal do conselho de administração do grupo, não tendo sido adiantado se vai também integrar a comissão executiva, neste momento composta por Afonso Camões e Guilherme Pinheiro.

A reestruturação do grupo, que passará por um despedimento colectivo, deve ser anunciada nas próximas semanas.

Deixe aqui o seu comentário