Mercedes veste-se de negro para acelerar combate ao racismo na F1

Por a 30 de Junho de 2020

Mercedes F1Os dois carros da equipa oficial da Mercedes, que detém o título mundial de Fórmula 1, vão percorrer os traçados da temporada 2020 pintados de negro. A competição, cujo arranque foi adiado devido à pandemia da covid-19, terá luz verde a partir deste fim-de-semana com o Grande Prémio da Áustria. Na corrida de 5 de Julho, a marca alemã estreia o novo design dos carros com uma nova pintura pensada para assinalar o compromisso da equipa com o combate ao racismo.

“Vamos competir de negro em 2020 como compromisso público para melhorar a diversidade da nossa equipa e como uma declaração clara de que somos contra o racismo e contra todas as formas de discriminação”, escreveu a marca no Twitter, num post onde revela a nova imagem dos seus carros oficiais para a nova temporada de F1. Um dos pilotos da equipa, recorde-se, é o britânico Lewis Hamilton, que se tem posicionado activamente contra o racismo na sequência do homicídio do norte-americano George Floyd, tendo participado nos protestos contra a discriminação em Londres e acabando por ser escolhido pela própria Fórmula 1 como embaixador do movimento We race as one, criado para promover a diversidade na modalidade.

Deixe aqui o seu comentário