Audiências TV em Maio: Consumo recua 12% com desconfinamento

Por a 2 de Junho de 2020

Clipboard01A análise de audiências de televisão da agência de meios Initiative, que integra o grupo IPG Mediabrands, revela que o consumo televisivo em Portugal diminuiu 13% em Maio (versus Abril), mês em que se começaram a levantar gradualmente as medidas de confinamento impostas pelo governo para travar a pandemia. No detalhe de canais, a SIC manteve a liderança, terminando o mês com um share de 20.7%, mais 0.6 p.p. quando comparado com Abril. Este é o maior valor de share do ano para a estação de Paço de Arcos, que já lidera há 127 dias consecutivos. A TVI, que aumentou em +0.7 p.p. a sua quota de share face a Abril, também registou o melhor resultado desde Junho de 2019, subindo até aos 14.5%. No sentido inverso esteve a RTP1, que mantém uma tendência de quebra desde Janeiro. O canal caiu 0.4 p.p. para os 11.1% de share, abaixo dos 13.7% registado por Outros – visionamento residual de canais não auditados, consumo diferido de dias anteriores e outras utilizações do televisor como streaming e consolas.

Clipboard02

Clipboard03Já o universo dos canais Pay TV mostrou um ligeiro aumento de share comparativamente a Abril (+0.1 p.p.). A liderar esta tipologia de canais está a CMTV com 4.5% de share, tendo sido o único canal de informação a aumentar a sua quota de share em Maio. SIC Notícias, com 2.1%, e Globo, também com 2.1% de share, completaram o top 3 dos mais vistos em Pay TV. De destacar ainda um aumento de +1.3 p.p. no share da TVI Reality, que figurou na 11ª posição dos canais mais vistos do mês. O canal, impulsionado pela transmissão 24h sobre 24h do que se passa na casa do Big Brother, terminou o mês com um share de 1.4%.

Analisando a média de todas as inserções de cada programa, Quem Quer Namorar com o Agricultor? III e Big Brother dominaram o top 20 programas em Maio. No entanto, a liderança pertence a Isto é Gozar com Quem Trabalha. O programa de Ricardo Araújo Pereira registou uma audiência média de mais de 1.5 milhões de telespectadores e um share de 28.8%. Seguiu-se Nazaré, que também conseguiu agarrar, em média, a atenção de mais de 1.5 milhões de portugueses, a que correspondeu um share de 28.4%. A completar o top 3 ficou Quem Quer Namorar com o Agricultor? III – Cara a Cara.

Clipboard04De destacar também a estreia de Olha Por Mim, na SIC. O programa de reencontros foi para o ar no dia 16 de Maio, tendo sido o mais visto desse dia, mantendo, em média, 1.2 milhões de portugueses agarrados ao ecrã. No acumulado do mês, registou uma audiência média de 1.1 milhões de telespectadores e um share de 22.3%, sendo o 23º programa mais visto de Maio. A SIC também estreou um novo programa para o início das manhãs de domingo. É P’ra Amanhã – Viagem a um Futuro Sustentável estreou a 17 de Maio e verificou uma audiência média de 62 mil telespectadores, a que correspondeu um share de 6.5%. A TVI fez regressar à sua grelha de programas Espírito Indomável, desta feita, em formato de série. No dia de estreia foi o 10.º programa mais visto, registando uma audiência média de 775 mil telespectadores e um share de 21%.

initiativeFonte: Initiative

Deixe aqui o seu comentário