Isolamento social faz disparar assinantes do Netflix

Por a 24 de Abril de 2020

Netflix2O primeiro trimestre deste ano, marcado pelo isolamento social forçado pela pandemia covid-19, levou mais 15,8 milhões de pessoas a subscrever os serviços do Netflix. O número de novos assinantes da plataforma de streaming, que representa um crescimento de 23% face ao período homólogo em 2019, quase duplica as previsões dos analistas, que apontavam a conquista de perto de 8,5 milhões de novos subscritores nos primeiros três meses do ano. As perspectivas do próprio Netflix eram ainda mais modestas, com a plataforma a estimar que encerraria o primeiro trimestre com sete milhões de novos subscritores a nível global.

Embora os analistas mantenham dúvidas de que este crescimento de subscritores seja permanente, mantendo-se após o levantamento do período de confinamento que potenciou o aumento, antecipando a possibilidade de muitos assinantes suspenderem a subscrição a partir do momento em que deixarem de passar tanto tempo em casa, o Netflix mantém perspectivas optimistas para o segundo trimestre. A plataforma estima agora conquistar 7,5 milhões de novos assinantes entre Abril e Junho quando as previsões dos analistas apontam para apenas 3,8 milhões de novos subscritores a nível global no decorrer do próximo trimestre.

Deixe aqui o seu comentário