Televisão está com menos anúncios e menos novas campanhas

Por a 27 de Março de 2020

televisãoCom o efeito da pandemia da covid-19, a publicidade passou a ocupar menos quatro horas e 34 minutos por dia no conjunto dos canais free to air portugueses.

Segundo uma análise da Marktest, em média, entre 6 de Janeiro e 8 de Março a publicidade ocupava 12 horas e 39 minutos. No dia 22 de Março, em plena pandemia da covid-19, a publicidade já ficava pelas oito horas/dia. Já no caso dos 38 canais de cabo analisados pela Marktest, a quebra foi de seis horas e 10 minutos no mesmo período em análise.

A contracção na publicidade coincide com um momento em que tem aumentado a audiência do meio televisão. O maior pico de audiência tem-se verificado ao domingo. A título de exemplo, no 8 de Março a audiência média do total televisão foi de 25,9 por cento, no domingo seguinte passou para 31,6 por cento. A 22 de Março ia já nos 33,2 por cento.

A Marktest também dá conta de que na última semana em análise, assistiu-se a menos entradas de novos anúncios nos meios TV, rádio e imprensa. No caso da televisão, depois de um pico de 82 novos anúncios a 16 de Março, nos dias seguintes a fasquia nunca chegou aos 30. No caso da rádio, a 16 de Março registaram-se 20 novos spots, mas entre 17 e 22 de Março, o número de entradas de novos spots variou entre os dois e os oito anúncios. Já na imprensa os novos anúncios oscilaram entre os sete e os 45 por dia.

Deixe aqui o seu comentário