SIC e FPF unem esforços em acção de angariação Unidos por Portugal

Por a 25 de Março de 2020

919Angariar fundos para a compra de equipamento hospitalar e de protecção individual para hospitais e IPSS é o objectivo da acção solidária Unidos por Portugal. A iniciativa é lançada pela SIC em conjunto com a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e desafia os portugueses a contribuir, ao longo dos próximos sete dias, sendo possível fazê-lo através do número 761 20 10 20 (1€ + IVA), da conta solidária IBAN PT50 0010 0000 5352 8870 0012 0, ou por MB Way (opção “ser solidário” – SIC Esperança). A gestão dos donativos fica depois a cargo da SIC Esperança, braço de responsabilidade social do grupo Impresa.

No âmbito desta iniciativa, as principais figuras da SIC e da selecção nacional estarão juntas e “os portugueses vão vê-los como nunca os viram em situações de um dia-a-dia confinados às suas casas”, descreve-se em nota de imprensa.

“Vivemos tempos de incerteza e de dúvidas. A maratona ainda agora começou e esperam-nos momentos difíceis. Uma das principais prioridades é a de ajudar quem mais nos defende e se expõe para nos proteger no dia-a-dia: os profissionais de saúde”, justifica Francisco Pedro Balsemão, CEO da Impresa, referindo que “a SIC e a SIC Esperança, pelo papel que desempenham na sociedade portuguesa, têm a obrigação de contribuir para vencer esta batalha contra o Covid-19. Consegui-lo-emos com o apoio, a solidariedade e a coragem de todos os portugueses”.

“No âmbito das nossas responsabilidades sociais e num momento tão difícil da vida nacional, unimo-nos à SIC e a todo o Portugal para podermos ajudar os profissionais de saúde através de compra material médico. Esta iniciativa permitirá igualmente angariar fundos para ajudar de todas as formas que julgarmos apropriadas aqueles que estão na linha da frente deste combate contra o Covid-19. Temos de ganhar este jogo que é indiscutivelmente o mais importante das nossas vidas”, afirma, por sua vez, Fernando Gomes, presidente da FPF.

A iniciativa conta ainda com o apoio da Altice, AR Telecom, E.Leclerc, Gulbenkian, Lusíadas Saúde, Missão Continente, NOS, Nowo, Santander, SIBS e Vodafone.

Deixe aqui o seu comentário