Porto Editora e Leya dão acesso gratuito a plataformas virtuais para apoiar alunos sem aulas

Por a 13 de Março de 2020

escola virtualA Porto Editora decidiu dar acesso gratuito a todos os alunos dos ensinos básico e secundário à sua plataforma de e-learning Escola Virtual, como forma de diminuir o impacto negativo pela suspensão das actividades escolares, anunciada ontem pelo governo.

A medida permitirá o acesso aos conteúdos educativos digitais do 1.º ao 12.º ano de escolaridade. Os professores – que também têm acesso gratuito – poderão organizar aulas, propor exercícios para consolidação e revisão de matérias e partilhar os conteúdos com os seus alunos por e-mail. Como comenta Vasco Teixeira, administrador da Porto Editora, “enfrentamos uma situação excepcional, que nos desafia, enquanto sociedade, a encontrar soluções para os problemas que se nos deparam”.

Também a editora  Leya comunicou a professores e escolas a sua decisão de abrir o Banco Aula Digital gratuitamente a todos os professores e alunos, de forma a permitir que o ensino à distância seja facilitado. Desta forma os  professores têm acesso ao banco de recursos de todos os anos e disciplinas disponíveis na Aula Digital. É agora possível atribuir tarefas, testes e quizes ou enviar recursos aos alunos, para que estes possam dar continuidade, rever ou consolidar os conhecimentos.

(actualizado com informação da Leya)

Deixe aqui o seu comentário