ICA vai apoiar filmes para estrearem em televisão e em plataformas de streaming

Por a 19 de Março de 2020

televisãoO Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA) vai manter as datas previstas de fecho dos concursos de apoio ao cinema e ao audiovisual de 2020. No entanto, a entidade pública decidiu avançar com “medidas excepcionais”, em resultado da declarada pandemia covid-19.

Este ano as obras cinematográficas deixam de manter a obrigatoriedade de estreia em salas de cinema, isto é, passa a existir a possibilidade de os filmes serem exibidos pela primeira vez em televisão ou através de “serviços de comunicação audiovisual a pedido”. Mantém-se o limite de apoio a atribuir pela entidade pública, mas o ICA faz agora saber que abdica da verificação do limite de apoios privados.

Os concursos de 2020 de apoio financeiro ao cinema e audiovisual abriram em Fevereiro com 22,7 milhões de euros repartidos por vários programas.

O ICA anunciou ainda irá suspender, por tempo indeterminado a obrigatoriedade por parte dos exibidores de reter 7,5 por cento do preço de venda ao público dos bilhetes de cinema. Neste momento, todas as salas de cinema do país encontram-se encerradas.

Deixe aqui o seu comentário