Júlio Isidro recebe Medalha de Mérito Cultural nos 60 anos de carreira

Por a 17 de Janeiro de 2020

Júlio IsidroO governo atribuiu a Medalha de Mérito Cultural ao locutor e apresentador de televisão Júlio Isidro. A entrega da medalha foi feita, num espectáculo comemorativo dos 60 anos de carreira de Júlio Isidro na noite de quinta-feira, pelo primeiro-ministro, António Costa.

“Figura ímpar dos meios audiovisuais em Portugal desde o início dos anos 60, Júlio Isidro foi também um pioneiro na divulgação de novos valores para a música. Participou, quer como autor, apresentador, realizador ou produtor, numa grande diversidade de programas para a televisão e para a rádio, as suas facetas mais conhecidas. Mas dedicou-se também à música, como criador, e à área da escrita, como escritor e como jornalista”, salientou o Governo, numa nota biográfica sobre o apresentador, citada pela Lusa.

Júlio Isidro começou a trabalhar no Rádio Clube Português , onde foi autor de programas como Clube das Donas de Casa, Em Órbitra e Grafonola Ideal. A nível televisivo, na década de 80 apresentou na RTP programas como O Passeio dos Alegres, Festa é Festa, A Festa Continua e Arroz Doce. Saiu nos anos 1990 para a TVI, regressando à estação pública em 1997.

Deixe aqui o seu comentário