Pesadelo na Cozinha foi o programa mais visto este domingo. TVI regressa ao segundo lugar da semana

Por a 2 de Dezembro de 2019

quadro 1
O consumo televisivo na semana 48 do ano regista uma ligeira descida, mantendo-se contudo acima das cinco horas/dia. Face à semana anterior o tempo de visionamento abrandou cerca de dois minutos, situando-se deste modo nas cinco horas e nove minutos.

Relativamente à repartição da audiência por canal, o share do Cabo caiu para os 36,6%. Já o da SIC subiu para os 20,2%, comportamento acompanhado pela TVI que registou 15,1% de share. Com esta subida a estação de Queluz regressa à posição de segundo canal FTA, afastando a RTP1 para o terceiro lugar, com uma quota de audiência nesta semana de apenas 13%
.
Na tabela dos canais Pagos mais vistos, as alterações de destaque são a subida da Fox ao quarto lugar, ultrapassando a SIC Notícias que se fixa no meio do ranking. A Fox Life ascende à nona posição, encontrando-se à frente do canal infantil Disney Júnior que regressa ao top semanal. Já os restantes canais permanecem nas posições anteriores: imbatível na liderança mantém-se a CMTV, com um desempenho de 85,4 mil telespectadores/dia. Segue-se com 48,3 mil telespectadores a Globo; e o Hollywood que fecha o pódio com um retorno de 36,5 mil telespectadores.

Em semana de competições europeias, como seria expectável, o futebol domina as atenções dos telespectadores, cabendo a liderança ao jogo da Champions: Leipzig x Benfica com 21,6% de audiência média. Seguem-se, com um empate técnico de 14,7%, a novela Nazaré e jogo da Liga Europa Sporting x PSV. O lugar seguinte pertence ao Jornal da Noite; enquanto que o regresso de Pesadelo na Cozinha ocupou o 5º lugar, com 12,4% de audiência, sendo de referir que o programa de Ljubomir Stanisic foi o mais visto de toda a programação de domingo.

A programação da oferta Pay TV é dominada por conteúdos CMTV, excepção para a estreia da novela da Globo A Vida da Gente que ocupa o quinto lugar, com 160,9 mil telespectadores.
quadro 2

Fonte: Data Insights/Havas Media Group

Deixe aqui o seu comentário