El Ojo: Dois ouros e dois bronzes para agências nacionais (com vídeos)

Por a 11 de Novembro de 2019

pjimageDois ouros e dois bronzes, para Nossa e Havas, é o balanço final da participação das agências portuguesas na edição deste ano do festival ibero-americano El Ojo, que decorreu na última semana em Buenos Aires. O grande destaque foi para a agência fundada por Nuno Cardoso e Duarte Durão, que regressou a Lisboa com dois ouros e um bronze, além de ter sido distinguida com a Melhor Ideia Local. Na origem de todas as distinções esteve o projecto The Longest Livestream Ever, desenvolvido para a ANP/WWF, que valeu à agência ouros nas categorias de Sustentabilidade e Eficácia, além de um bronze em Digital & Social.

“Foi um reconhecimento espectacular para a criatividade da Nossa. Ganhar dois ouros num festival tão importante, em duas categorias tão difíceis como Eficácia e Sustentabilidade, é um motivo de orgulho enorme. Ver esta ideia nacional, de uma agência local, ser distinguida e defendida por jurados exigentes, que são presidentes e CCO das maiores agências do mundo, mostra que a criatividade nacional pode e deve ter ambição mundial”, comenta Nuno Cardoso, que presidiu ao júri de Design na edição deste ano do El Ojo.

Houve ainda mais um bronze para um trabalho nacional, com a Havas Lisboa distinguida na categoria de Filme com Karma, criado pela agência para a Animalife e produzido pela Major West. Entre os finalistas, na categoria de Design, estava ainda a FCB Lisboa, com o projecto Wheelchange Tours, para a TUR4all.

Deixe aqui o seu comentário