Salvador Bourbon Ribeiro assume liderança da Media Capital Rádios

Por a 15 de Julho de 2019

Salvador-Bourbon-RibeiroSalvador Bourbon Ribeiro, há 10 anos na direcção comercial da Media Capital Rádios (MCR), será o novo administrador desta área de negócio do grupo depois de Luís Cabral ter sido apontado para substituir Rosa Cullell ao comando da Media Capital. A informação foi avançada pelo Dinheiro Vivo e confirmada pelo M&P junto de oficial do grupo. Questionada sobre se o profissional acumulará o novo cargo com a direcção comercial das estações ou se será nomeada outra pessoa para o efeito, a mesma fonte refere não haver ainda informação relativamente às funções comerciais, devendo a mesma ser comunicada ainda no decurso desta semana.

“É com um enorme orgulho e sentido de responsabilidade que assumo a liderança da Media Capital Rádios 20 anos depois da minha entrada no grupo. Agradeço o voto de confiança da Media Capital e tenho total confiança de que reunimos todas as condições para continuamos a merecer a preferência dos ouvintes”, afirma Salvador Bourbon Ribeiro. Sobre a nomeação do profissional, Luís Cabral, que deixou o cargo para assumir a liderança da Media Capital, sublinha ter aceite as novas funções com “a certeza de que o Salvador Ribeiro assegurará a continuidade e consistência do sucesso que construímos na Media Capital Rádios desde 2009”.

Salvador Bourbon Ribeiro era responsável pela área comercial da Media Capital Rádios desde Julho de 2009, com responsabilidades sobre estações como a Comercial, M80, Cidade FM, Smooth FM ou Vodafone FM, tendo intregado a MCR para subsituir Carlos Marques, que foi director-geral comercial da MCR entre 2006 e 2009. Antes de assumir funções, Salvador Bourbon Ribeiro esteve cinco anos no Global Media Group como director comercial da TSF, cargo que ocupou entre 2004 e 2009.

Ao longo do seu percurso profissional havia já passado pela Media Capital, como director comercial da MC Edições (revista Lux) e da MCO-TV, canal de televisão da rede Metropolitano de Lisboa que era detido pela Media Capital Outdoor, activos que entretanto foram alienada pelo grupo dono da TVI. Antes ainda foi, durante dois anos, director comercial do jornal O Independente.

Deixe aqui o seu comentário