Cannes Lions: Um ano para reflectir sobre a criatividade nacional

Por a 2 de Julho de 2019

K_mep-Mont_841Fique a par dos temas da edição desta quinzena do Meios & Publicidade. Em destaque está o balanço sobre a edição deste ano do festival Cannes Lions, que inclui as análises de Edson Athayde (FCB), Filipe Mesquita (This is Pacifica), Pedro Ferreira (VMLY&R), Marcelo Lourenço (Coming Soon) e Susana Albuquerque (CCP). Os espaços de opinião são da autoria de Jorge Teixeira (Fuel), José Carlos Lourenço (Zap) e Jorge Faustino (Fullsix). Esta edição inclui uma segunda capa dedicada aos vencedores dos Prémios de Criatividade M&P e dos Prémios M&P Criatividade em Autopromoções e Inovação em Media.

Um ano para reflectir
A edição deste ano do festival Cannes Lions não vai deixar saudades às agências portuguesas. Tal como em 2018, não houve leões. Mas desta vez a prestação nacional não foi além de uma shortlist. Cinco criativos portugueses tentam analisar o que correu mal.

Como Hugo Veiga conquistou dois grandes prémios
A AKQA São Paulo, que tem Hugo Veiga como um dos fundadores e director criativo executivo, entrou para o restrito lote de agências ao conquistar dois grandes prémios numa só edição do Cannes Lions. O criativo português explica os projectos

Sete grandes prémios que tornaram dois temas omnipresentes
As questões raciais e a acessibilidade de pessoas com deficiência foram dois dos temas que mais marcaram esta edição do festival Cannes Lions. A tendência ficou materializada em sete grandes prémios

Imprensa está viva e rugiu em Cannes
A imprensa e o jornalismo estiveram em destaque no festival Cannes Lions. Da sua importância numa era marcada pelas fake news e desinformação à prova de vida do meio enquanto suporte de comunicação, foram vários os projectos a chegar a leão. Há quatro grandes prémios com a imprensa como protagonista

O que significa a regulamentação do lóbi
É uma oportunidade para as agências de comunicação, mas o diploma aprovado pelo Parlamento parece deixar muito a desejar.

Sem estratégia para o marketing de voz?
A maioria das grandes empresas não está a preparar-se para aproveitar os recursos interactivos de voz.

Aceda aqui à edição completa do M&P desta quinzena. Exclusivo para assinantes do M&P

Deixe aqui o seu comentário