Audiências TV: Generalistas recuperam terreno à Pay TV em mês de estreias

Por a 4 de Outubro de 2018

Clipboard01A análise de audiências de televisão da agência de meios Initiative, que integra o grupo IPG Mediabrands, referente ao mês de Setembro, revela que os canais generalistas voltaram a conquistar telespectadores aos canais Pay TV, que acusam uma ligeira descida relativamente ao mês anterior.

Setembro é mês de regresso às aulas e de regresso às rotinas mas tem sido também o escolhido para o anúncio de renovação de grelhas e estreia de novos programas. Foi precisamente em Setembro que a SIC confirmou a contratação de Cristina Ferreira, cuja entrevista em directo do Jornal da Noite bateu recordes de audiência – durante o período da entrevista foi o programa mais visto em televisão, superando tanto a TVI como os canais Pay TV, com uma audiência média de 17.8%. Se, no acumulado do mês, o Jornal da Noite apresenta uma audiência média de 782 mil telespectadores, no dia 17 de Setembro registou uma audiência média de 1.1 milhões de telespectadores, o que contribuiu favoravelmente para a performance do canal, que face ao mês anterior conta com um crescimento de +0.6 pontos percentuais.

variação em ppAinda assim, e no acumulado do mês, a TVI manteve a liderança conseguindo também reforçar o share vs. Agosto. Contributo tanto do futebol, com a transmissão do jogo Schalke 04 X FC Porto para a Liga dos Campeões, como da nova edição do programa Pesadelo na Cozinha, cuja estreia no dia 9 de Setembro foi vista por 1.4 milhões de telespectadores. Excluindo as transmissões de futebol, acabou por ser o programa mais visto do mês.

Mas o futebol voltou a captar a atenção dos telespectadores portugueses, dominando o top dos programas mais vistos em Setembro. Para além do jogo do FC Porto na Liga dos Campeões (TVI), destaque para os jogos da selecção nacional para a Taça das Nações (RTP1), com Portugal x Itália a registar uma audiência média de 1.7 milhões de telespectadores, e ainda o jogo do Sporting frente ao Qarabag para a Liga Europa.

Clipboard02A transmissão dos jogos nos diferentes canais generalistas contribuiu para a recuperação de share dos canais FTA (+1.1 p.p.), que voltaram a conquistar telespectadores aos canais Pay TV. O share dos canais por subscrição representa ainda assim 45.8% do consumo de televisão, com a CMTV a manter a liderança dos mais vistos. Os canais Globo e Disney Channel mantiveram também as posições seguintes, em linha com o mês anterior, ainda que ambos acusem quebras no share de audiências. TVI24 e SIC Notícias ocupam as posições seguintes, seguidos por Hollywood e Fox. O canal Fox, apesar de contar com uma variação negativa, conseguiu subir uma posição com contributo da estreia da nova série Seal Team, que figura no top das séries mais vistas do mês, com uma audiência média de 62 mil telespectadores.

share diario de canais

Fonte: Initiative

Deixe aqui o seu comentário