Ketchum e FleishmanHillard passam a ter operação local através do Omnicom PR Group

Por a 15 de Março de 2018

Mariana VictorinoAs agências de comunicação Ketchum e FleishmanHillard, até aqui representadas no mercado português pela Ipsis, têm agora operação em Portugal e juntam-se à Porter Novelli para dar corpo ao Omnicom Public Relations Group. Em Portugal, o movimento internacional de concentração das agências de comunicação numa nova estrutura foi seguido em 2017 com a inclusão da agência de comunicação liderada por Mariana Victorino numa nova estrutura com a mesma designação adoptada a nível global. Agora, à Porter Novelli juntam-se também sob o mesmo grupo no mercado português as marcas Ketchum e FleishmanHillard, que até aqui tinham apenas representação através da agência independente Ipsis e que passam a contar com operação local. Na sequência deste movimento, Mariana Victorino sobe à direcção da estrutura enquanto managing director do Omnicom PR Group em Portugal, assumindo “responsabilidades pelas três agências integradas do grupo”.

“A integração não trará mudanças significativas à estrutura em Portugal”, assegura ao M&P Mariana Victorino, sublinhando que “trará, isso sim, maior eficiência e um maior número de clientes internacionais provenientes das redes da Ketchum e da FleishmanHillard”. “Com a integração podemos considerar que o OPRG se torna numa agência de top três na Península Ibérica, com mais capacidade para atrair e reter talento e clientes”, considera a responsável. Para já, operação da Ketchum apresenta-se com uma carteira de clientes integralmente composta por marcas de alinhamento internacional: Allergan, Fairy (P&G), Herbal Essences (P&G), HMD (Nokia), NH Hotels, Philips e Zespri. Já a FleishmanHillard conta, por enquanto, com apenas três clientes, assegurando a comunicação no mercado português dos laboratórios Angelini Farmacêutica, do Norway Seafood Council e da cadeia de lojas Primark.

Mariana Victorino preferiu, para já, não adiantar pormenores sobre a dimensão ou composição das equipas das operações, limitando-se a indicar que “as equipas estão compostas de acordo com o perfil e necessidades dos clientes de cada agência, mantendo-se o princípio, que já tínhamos, de garantir um rácio de senioridade superior ao que é usual no mercado português”.

Saiba mais sobre a operação da Ketchum e FleishmanHillard e a estratégia do Omnicom PR Group em Portugal na edição desta quinzena do M&P

Deixe aqui o seu comentário