Portal AEIOU alienado pela Impresa

Por a 4 de Janeiro de 2012

O grupo Impresa desfez-se do portal AEIOU que foi readquirido pelo anterior proprietário e fundador do projecto, Armando Baptista, através de um MBO (Management Buy Out).

A operação não contempla sites como o Olhares.pt, Escape, Relvado, entre outros, que continuam adstritos à holding presidida por Francisco Pinto Balsemão. Estes sites passam a estar alojados no portal Sapo, fruto do reforço da parceria entre a Impresa e a PT.

Em declarações ao M&P, Armando Baptista preferiu não avançar com os valores envolvidos neste negócio, falando de uma “opção estratégica para um melhor futuro” quando questionado acerca dos motivos com que se prendeu esta compra, noticiada hoje pelo Jornal de Negócios. “Vamos rever a nossa oferta. O AEIOU continuará a ter um carácter noticioso e informativo mas com um modelo diferente”, adiantou o responsável. “Estamos neste momento a estudar com calma essa recomposição”, disse ainda.

Armando Baptista optou também por não revelar possíveis parceiros para o novo portfólio “cheio de ideias novas a serem trabalhadas”. “O projecto não poderá ser o mesmo, seguirá um caminho autónomo, evoluirá segundo uma realidade diferente”, salientou. A equipa de 11 pessoas que assegurava o portal será mantida, mas transferir-se-á para novas instalações no centro do Porto, avançou Armando Baptista, garantindo: “Vamos arregaçar mangas e divertirmo-nos, por estranho que pareça”.

Também fonte oficial do grupo Impresa garantiu ao M&P que esta operação não implicava despedimentos. “Uma parte dos funcionários transita com o AEIOU, outra será realocada no grupo”, frisou. A mesma fonte comentou também que este negócio não significa um desinvestimento na área digital da Impresa, mas antes “uma potenciação das marcas que já vinham a ter um grande desenvolvimento”.

 

Deixe aqui o seu comentário