Porto Canal comemora cinco anos com programação “refrescada”

Por a 28 de Setembro de 2011

O Porto Canal comemora quinta-feira cinco anos de emissões televisivas por cabo, com uma grelha de programação “refrescada”, em que se destacam novos programas de informação geral e com a marca Futebol Clube do Porto. “É um refrescamento da grelha, com novos programas com a marca Porto e com novos programas generalistas e informativos”, disse hoje à agência Lusa o director de informação e programação do canal, Domingos Andrade. A estação vai passar a retransmitir às terças-feiras, às 00h00 e às 14h00 horas, os jogos “em casa” cujos direitos televisivos pertençam à FC Porto, SAD, empresa que desde Agosto gere o Porto Canal ao abrigo de um contrato de concessão com a Media Luso, com opção de compra a partir do primeiro ano. Domingos Andrade referiu que começa sexta-feira à noite um novo programa semanal, “Azul e Branco”, com reportagens sobre a actualidade do FC Porto e a antevisão da jornada de futebol do fim-de-semana.

“As transmissões das modalidades [extra futebol] vão ser aumentadas. Todos os sábados às 16:00 haverá um jogo em directo de uma modalidade e resumos alargados sobre as restantes”, disse. A informação sobre a actividade do clube será reforçada também com duas novas edições diárias do Flash Porto, às 19h00 e às 20h00. Na informação generalista, o Telediário passa a designar-se Jornal do Norte, no mesmo horário (21h00), reforçando a aposta no noticiário regional, mas sem esquecer o nacional. “Não são só notícias do Norte, mas vistas com os olhos do Norte”, explicou Domingos Andrade, referindo que todos os dias haverá um comentador convidado, de um painel que inclui, entre outros, Carlos Abreu Amorim, Manuel Pizarro, Paulo Morais, Manuel Tavares e Jorge Fiel.

No início de Outubro regressam com novos figurinos os programas Testemunho Directo (grande reportagem e debate), Domínio Público (debate de temas da actualidade) e Novo Norte (sobre a investigação que é feita na região). Domingos Andrade referiu que “até Dezembro” o Porto Canal deverá alargar a rede de delegações no Norte (tem actualmente cinco) e criar uma delegação em Lisboa, ao mesmo tempo que prepara o canal para alta definição (HD), bem como novos estúdios, um físico e outro virtual. “Em meados de Janeiro haverá uma grelha completamente nova”, acrescentou. O quinto aniversário será celebrado com a exibição ao longo do dia de um pequeno programa sobre a história do canal e depoimentos de “60 a 70 individualidades da região”. (Lusa)

Deixe aqui o seu comentário