Tagus suspende Orgulho Hetero

Por a 26 de Novembro de 2007

tagus3.jpgA Tagus suspendeu o conceito de comunicação “Tu és hetero' que estava a servir para comunicar a formação de uma comunidade virtual em www.orgulhohetero.com. “Face a algumas manifestações recebidas, considerámos oportuno reformular os termos em que a campanha esteve presente”, explicou a marca em comunicado, que referia ainda que “esta campanha não pretendia defender ou atacar nenhuma causa concreta. A mesma deveria ser entendida tendo em linha de conta o posicionamento irreverente da marca”.
Tal como adiantou o M&P, a campanha criada pela Lowe para a Tagus originou uma queixa junto do ICAP (Instituto Civil da Autodisciplina da Publicidade) e uma contra-campanha da associação gay Panteras Rosa. Em resposta às críticas, o comunicado da Tagus refere que “o objectivo foi criar uma campanha que surpreendesse pela originalidade da abordagem, mas sem quaisquer preconceitos, sempre numa perspectiva positiva e respeitando as orientações de cada um”. A Tagus, contactada pelo M&P, não esclareceu quais os termos da reformulação da campanha de comunicação, cuja presença nos meios deveria, de acordo com os planos iniciais da marca, prolongar-se até Dezembro.
O site de apoio à campanha da Tagus para promover a comunidade virtual, apesar de continuar online, não apresentou qualquer conteúdo durante o fim-de-semana. Já na passada sexta-feira ao final do dia o site foi alterado, não sendo possível efectuar uma pré-inscrição para integrar a comunidade que a marca estava a comunicar debaixo do mote “Tu és hetero?” Em vez disso surgia um texto que, numa referência à polémica que tem envolvido a comunicação desta iniciativa, referia: “A verdade é que és livre de escolher. És livre de sair e de te divertires com quem tu quiseres. És livre de te assumires como quiseres”.

Deixe aqui o seu comentário