Localvisão nasce em Novembro

Por a 29 de Outubro de 2007

localvisao2.jpgLocalvisão é o nome do novo canal de televisão online que será lançado no início de Novembro sob a chancela da empresa CMTI (Comunicação, Marketing e Tecnologias da Informação).
O projecto vai marcar presença nos “308 concelhos nacionais” e vai ter por base conteúdos locais e informação regional, dando “voz às autarquias e às populações locais”, para além de promover o desporto e a cultura, explicou ao M&P Carlos Ramalho, director-geral da CMTI.
A página disponível em localvisao.tv, estará alojado no portal Sapo, e dará acesso aos vários canais locais, que vão emitir em full screen. Para além de contar com várias parcerias estabelecidas com rádios e imprensa local, o projecto vai envolver uma equipa de “cerca de 80 pessoas, espalhadas pelo país”, avançou Carlos Ramalho.
Um dos objectivos da Localvisão é “proporcionar o contacto com os emigrantes portugueses”, que poderão assim estar “sempre ao corrente do que se passa na sua terra” e ainda proporcionar a promoção turística de cada local.
A recolha dos conteúdos será feita pelos profissionais presentes em cada localidade, sendo que o tratamento final será dado na sede da empresa em Cascais. Haverá emissões 24 horas por dia, com repetições dos conteúdos locais, cuja dimensão vai variar consoante o concelho. Os conteúdos nacionais também terão o seu espaço, sendo transmitidos em simultâneo para os vários canais.
Carlos Ramalho adianta que o investimento envolvido neste projecto foi “avultado”, embora se escuse a avançar números. O lançamento só foi possível devido à intervenção de “financiadores externos”, que o responsável se escusou também a divulgar.
Ao mesmo tempo, a CMTI prepara-se para lançar em meados de Novembro um outro projecto dedicado à área automóvel. Designado Autovisão, terá uma vertente tripla: revista gratuita (distribuída em postos de abastecimento), site na internet e canal online. O projecto vai contar com uma equipa fixa de 8 pessoas, que irá assegurar os conteúdos para os três suportes. Nos objectivos do canal Autovisao.tv está a “progressão para a IPTV”, adianta Carlos Ramalho. Mais para o final do ano, irá surgir o Máquinas.tv, que será também um canal online com conteúdos na área automóvel, mas dirigido ao mercado espanhol.

Deixe aqui o seu comentário