Campanha de Oliviero Toscani proibida em Itália

Por a 22 de Outubro de 2007

nolita.jpgO Instituto de Autorregulação Publicitária de Itália solicitou a suspensão da campanha criada por Oliviero Toscani para a marca No-l-ita. Segundo o organismo, a campanha com a modelo francesa Isabelle Caro viola dois artigos do código publicitário, que referem que a publicidade deve ser “honesta, verídica e correcta” e não deve desrespeitar “as convenções morais, civis e religiosas dos cidadão e devem respeitar a diginidade das pessoas em todas as suas formas de expressão”, citou o El Mundo. “Os membros deste organismo são personagens anacrónicas”, respondeu Oliviero Toscani, que pretende avançar para tribunal para reclamar pelos danos morais e económicos que esta decisão acarreta.

Deixe aqui o seu comentário