Fim da Optimus poderia representar uma redução de 50 milhões de investimento

Por a 21 de Março de 2006

A extinção da marca Optimus, caso a OPA da Sonaecom sobre a PT tenha sucesso, poderia levar a uma redução dos investimentos de publicidade do sector das telecomunicações entre 20 e 30%. Segundo uma análise da Carat a que a Lusa teve acesso, esta redução poderia significar uma diminuição dos gastos dos anunciantes na ordem dos 50 milhões de euros. De acordo com a Carat, que cita dados da Marktest e das próprias empresas, a Optimus investiu, no ano passado, 75 milhões de euros em publicidade, valor ao qual acrescem mais quase oito milhões de euros da Rede4. Já a TMN investiu 72 milhões de euros, além dos 12,1 milhões de euros que investiu na Uzo. No total, as duas marcas investiram 167 milhões de euros em publicidade durante o ano passado, um valor que representa 61,6% de todo o sector. Para a Carat, o cenário com menor impacto no mercado seria a manutenção das marcas Optimus e TMN que, ainda assim, se traduziria por uma redução do investimento entre os cinco e os 10%.

Deixe aqui o seu comentário