FCB alerta para a preservação das florestas com fósforos que não ardem

Por a 10 de Julho de 2019

ANPWWF Fósforos Para a FlorestaChamar a atenção para a necessidade de preservar as florestas numa altura em Portugal surge como um dos mais afectados pelos incêndios no relatório da ANP/WWF é o objectivo da iniciativa Fósforos para a Floresta. Criados pela FCB Lisboa, os fósforos que não ardem são uma edição limitada de caixas de fósforos feitos a partir de um tronco de pinheiro do Pinhal de Leiria, que ardeu quase na totalidade em Outubro de 2017. O objectivo é chamar a atenção para os dados do relatório O Mediterrâneo Arde, cujos números “tornam o nosso país no campeão dos incêndios” com uma média de 22 mil incêndios por ano na última década, que queimaram mais de 140 mil hectares e resultaram em 137 vítimas mortais.

Para sensibilizar e contribuir para a prevenção das florestas, os Fósforos para a Floresta são colocados a leilão no site E-Solidar, servindo como forma de angariação de fundos para a continuação do trabalho da ANP/WWF no restauro florestal pós-incêndio e prevenção de novos incêndios.

Deixe aqui o seu comentário