Como desentupir canos? 5 truques simples e eficazes!

Por a 19 de Fevereiro de 2019
Como desentupir canos 5 truques simples e eficazes

Desentupir canos e desentupir esgotos são duas realidades com as quais – infelizmente – todos nós já lidámos nas nossas casas. Por mais cuidado que tenhamos, parece sempre que escapam, pelos ralos dos lavatórios da casa de banho ou da pia da cozinha, restos de comidas ou cabelos que resultam no indesejado entupimento. Sabe como pode conseguir desentupimentos eficazes neste tipo de situação? Então, está na hora de saber cinco truques simples e eficazes para desentupir canos. Como todos sabemos, desentupir esgotos nem sempre é uma tarefa simples e, por isso mesmo, o cuidado é essencial para a preservação das tubagens e canalizações. Um uso cuidado dos nossos pontos de água não só irá poupar-nos trabalho como ajudará, também, a estimar a natureza. Todo o cuidado que temos, no entanto, não evitará, sempre, que resíduos possam acumular-se na canalização. O entupimento do cano é visível quando o nível de água começa a elevar-se, por uma ineficaz evacuação da mesma. O desentupimento dos canos torna-se, então, fundamental, sendo muito importante que se tente resolver o problema o mais depressa possível, para que o mesmo não agrave. Vale a pena recordar que, além de afetar as nossas vidas quotidianas, o cano entupido corre o risco de rebentar, gerando situações mais complexas de solucionar. Hoje olharemos, por isso mesmo, para 5 truques rápidos e eficazes que pode aplicar para desentupir os seus canos, em caso de entupimento.

1. Recorra a um desentupidor

É um dos truques mais antigos mas continua a ser uma excelente opção para desentupir os seus canos. O desentupidor – usualmente com cabo de plástico e topo de borracha ou com cabo de madeira e borracha na extremidade – ajuda no desentupimento através de um processo de sucção. Ao seguir o processo de pressionar a borracha contra o cano, com a ajuda da água, irá estimular a libertação da sujidade e o desbloqueio do cano, mediante o processo de movimentação de água dentro do cano. .

2. Desentupa os canos com água a ferver

Esta será uma das formas mais naturais e ecológicas de conseguir o resultado pretendido. Ferva água e vá-a despejando, aos poucos, nos ralos. Além de ajudar a eliminar eventuais gorduras e sujidades, este é ainda um excelente método preventivo, já que, se o fizer semanalmente, poderá ajudar a evitar que os canos venham a entupir.

3. Recorra a um arame

Principalmente quando o bloqueio é causado por cabelos, como usualmente acontece nos canos das nossas casas-de-banho, um arame pode ser a solução ideal para solucionar o problema. Usando um pedaço de arame, deverá moldá-lo e fazer, na sua extremidade, um gancho. Este deverá ter uma medida adequada para passar pelos buracos da pia. Introduza este gancho pelo orifício, no cano que visa desentupir e “pesque” a sujidade que se encontra a bloqueá-lo. No final, poderá ainda recorrer a água quente para garantir um melhor desentupimento.

4. Use fermento em pó

O uso do fermento em pó é muito positivo para os canos entupidos. Esta técnica é muito simples e rápida, bastando que coloque duas colheres de sopa de fermento no ralo, despejando, depois, água a ferver sobre o mesmo. Efervescendo, esta mistura ajudará na limpeza do cano, promovendo os desentupimentos desejados e deixando a canalização novamente funcional.

5. Use soda cáustica

Impera alertar para o facto de a soda cáustica exigir cuidados extra na sua utilização. Este produto é perigoso e deve ser manuseado com cuidado, para que evite queimaduras ou outros problemas de saúde. Então, antes de utilizar, proteja as mãos com luvas e os olhos com óculos de proteção. Se usar lentes de contacto, será melhor que as remova. Deverá utilizar, por cada 3 litros de água fervente, cerca de 3 copos de soda cáustica. O produto deve ser colocado na reentrância do cano a desentupir, vertendo a água a ferver sobre a mesma. Deixe o produto atuar durante 30 minutos. Caso a primeira utilização não resolva o problema na totalidade, repita o processo.

Deixe aqui o seu comentário