Como foram as audiências no mês de estreia de Cristina Ferreira na SIC

Por a 4 de Fevereiro de 2019

quadro 1
A análise de audiências de TV da agência de meios Initiative, que integra o grupo IPG Mediabrands, referente ao mês de Janeiro, mostra que a TVI manteve a liderança entre os canais generalistas mais vistos, registando um share de 21.2% (+0.3 pontos percentuais face a Dezembro. Já a SIC, com 20.7%, diminuiu a diferença de share de audiência face à TVI, o que reflectiu um aumento em +1.1 pontos percentuais face a Dezembro. Apesar da transmissão de jogos de futebol, que, na sua maioria, se posicionam no top de programas mais vistos, a RTP1 terminou o mês com uma variação negativa no share acumulado (-1.3 pontos percentuais face a Dezembro).
Janeiro foi um mês activo no que às estreias diz respeito. A SIC apostou forte nos programas da manhã, com a estreia de O Programa da Cristina no dia 7 de Janeiro. Esta emissão, contou com uma audiência total histórica no período da manhã: 1.8 milhões de telespectadores e 44.3% de share. A partir desse dia liderou sempre neste período horário. Também na SIC, de registar a estreia de O Carro do Amor, que compete directamente com First Dates, novo programa da estação de Queluz. Para os domingos à noite, a SIC estreou Lip Sync Portugal, novo programa de entretenimento que entrou directamente para o top de programas mais vistos do mês, posicionando-se na sétima posição, contando com uma audiência média de 1.1 milhões de telespectadores e um share de 26.9%. Também Ricardo Araújo Pereira voltou aos holofotes da televisão generalista, apresentando o Suplemento do Jornal das 8 da TVI Gente Que Não Sabe Estar. A aposta da SIC não se cingiu apenas à estreia de programas. Também a mudança de instalações de Carnaxide para Paço de Arcos foi um marco importante para a estação, que lhe dedicou especial atenção durante o mês de Janeiro.
No detalhe de programas, a final da Taça da Liga entre o F.C. Porto e Sporting C.P., transmitida no dia 26 de Janeiro, foi o programa mais visto pelos portugueses na televisão, com uma audiência média de 2.2 milhões de telespectadores, a que correspondeu um share de 47.9%. Estes resultados superaram a transmissão do jogo a contar para os quartos de final da Taça de Portugal entre o Vitória S.C. e o S.L. Benfica, transmitido no dia 15 pela RTP, que registou uma audiência média de 1.2 milhões de telespectadores e 26.4% de share. A completar o top 3 de programas mais vistos do mês, esteve o programa de domingo à noite da TVI, Dança com as Estrelas, visto em média por 1.2 milhões de portugueses. Cristina Ferreira foi novamente protagonista, desta feita como entrevistada de Daniel Oliveira no Alta Definição. Esta foi a transmissão mais vista do mês pela estação de Paço de Arcos, sendo seguida por 1.1 milhões de portugueses, a que correspondeu um share de 39%.
Na análise dos canais Pay TV, a CMTV reforçou a primeira posição com um share mensal de 4.4%, mais do dobro comparando canais como SIC Notícias ou TVI24. Destaque ainda para o canal Globo que consolidou também a segunda posição no ranking de canais mais vistos, contrariando a ligeira variação negativa registada pela Fox, SIC Notícias e do canal infantil Disney Channel.
quadro 2
quadro 3

initiative

Deixe aqui o seu comentário