Edição M&P: O que esperar do investimento em 2019

Por a 11 de Janeiro de 2019

K_mep-Mont_829A primeira edição do M&P em 2019 perspectiva o novo ano ao nível do investimento publicitário, lançando ainda um olhar sobre as tendências a que os profissionais de marketing deverão estar atentos. Também em destaque está a entrevista a Teresa Paixão, directora da RTP2, canal que acaba de assinalar o seu 50º aniversário. Os artigos de opinião são assinados por Ana Filipa Luzia e António Cunha Vaz. Confira os temas que pode ler na edição desta quinzena do M&P:

Tenho pena de não ter mais dinheiro para fazer evoluir”

O papel da RTP2, a produção nacional, a política de compras e os constrangimentos da internacionalização dos conteúdos portugueses, segundo Teresa Paixão, directora do segundo canal

O marketing em 2019 passará por aqui

Um novo ano chega sempre acompanhado de uma vontade para antecipar desafios e tentar mapear o desconhecido. É tempo de procurar identificar tendências. O que nos trará 2019 ao nível do marketing? Para responder a esta questão, o M&P desafiou um conjunto de profissionais que vão enfrentar esses desafios no dia-a-dia a antecipar as principais tendências e transformações

Os dados vão mandar em tudo?

Dados, inteligência artificial e machine learning estão a revolucionar o marketing. Que impacto têm na criatividade? A compra de media e os meios, tal como os conhecemos, vão desaparecer?

Quem são os sub-21

Os centennials são menos consumistas e mais atentos ao mundo do que os millennials. Para eles é normal comprar através das redes sociais seja a marcas ou a outras pessoas

7 momentos-chave

Os 40 anos da criação da marca Galp são um pretexto para olhar para alguns dos principais momentos de comunicação, guiados pelos seus designers e criativos

WPP em fase de transformação

O grupo liderado por Mark Read promete voltar a crescer em 2019, após cortes e reestruturações

Especial Agências de Meios

Abrandamento da televisão trava subida do investimento

Um início de ano auspicioso fazia prever um crescimento significativo em 2018. Contudo, após um primeiro semestre em que chegou a subir seis por cento, o investimento publicitário teve uma travagem e terá ficado pelos três por cento. O abrandamento da televisão terá sido um dos motivos e, com a questão da mediação de audiências pendente, paira uma incógnita sobre 2019

Perguntas para um milhão de euros

Da integração entre meios e criatividade à crescente preponderância da tecnologia, dados e inteligência artificial no planeamento de campanhas, passando pelas métricas no digital e pelos desafios colocados ao sector da televisão, quer ao nível da medição de audiências quer pelo impacto da crescente oferta over-the-top, são várias as questões que pendem sobre o sector e para a qual todos gostariam de ter resposta certeira. O M&P desafiou cinco líderes de agências de meios a operar em Portugal a ir a jogo

Aceda ao M&P em formato e-paper. Exclusivo para assinantes. Para mais informações contacte Graça Dias (215 825 426/[email protected])

Deixe aqui o seu comentário