Mais 10 anos de Web Summit em Lisboa num investimento público de 110 milhões

Por a 3 de Outubro de 2018

Web Summit 2017A estadia da Web Summit na capital portuguesa vai estender-se por mais uma década. Paddy Cosgrave oficializou esta quarta-feira a permanência do evento em Lisboa, preferida pelo fundador a cidades como Madrid, Berlim e Valência. Numa cerimónia que juntou no Altice Arena o organizador da Web Summit, o primeiro-ministro António Costa e o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, Cosgrave revelou que o derradeiro pitch que garantiu a escolha da capital foi feito pelo próprio presidente da autarquia há cerca de um mês num telefonema perto da meia-noite.

Fernando Medina assegura que Lisboa apresentou a “melhor proposta”, tendo adiantado que a garantia da presença do evento em Lisboa até 2028 é acompanhada pela decisão de expandir a FIL no sentido de duplicar a capacidade expositiva já que, justificou, “não podíamos pedir à Web Summit que abdicasse do crescimento”.

O investimento público para garantir a organização da Web Summit em Portugal deverá atingir uma verba na ordem dos 110 milhões de euros para os 10 anos já que, referiu o ministro da Economia, Caldeira Cabral, o investimento anual rondará os 11 milhões de euros, repartidos entre o Governo e a autarquia. A cláusula de rescisão do contrato é de 340 milhões por cada ano não cumprido.

Recorde-se que o contrato da Web Summit com o Governo português previa a organização do evento em Lisboa durante três anos e terminaria este ano com a terceira edição da Web Summit em território português, que terá lugar entre os próximos dias 5 e 8 de Novembro.

Deixe aqui o seu comentário