Norton, o novo realizador da Krypton

Por a 11 de Outubro de 2017

norton7 (1)O português Norton, que vive em Los Angeles, passou a integrar o grupo de realizadores da produtora Krypton. Depois de ter entrado como actor em novelas, Norton foi para Nova Iorque onde fez o último ano da universidade, tendo conseguido um estágio na MTV. Foi depois contratado como editor numa empresa de pós-produção daquela cidade, onde ficou quase sete anos. Mudou-se para Los Angeles onde conseguiu representação na produtora de videoclipes Doomsday e assinou videoclipes para o rapper Danny Brown, os Panic! at the Disco, Purity Ring, St. Lucia e, mais recentemente, Chris Lake. Na publicidade, destaca-se o anúncio para a Nike com Neymar Jr.
“A publicidade portuguesa sempre foi fortíssima e é cada vez mais reconhecida internacionalmente. Os nossos criativos têm uma enorme ambição, mesmo que seja para vender um produto simples, como uma manteiga. Essa ambição dá à luz campanhas inesperadas e brilhantes. Espero vir a trabalhar em campanhas assim”, aponta Norton, reforçando que quer explorar outros formatos e linguagens como a música e o cinema.
Em Agosto, Norton realizou em Kiev para a operadora móvel Kyivstar o spot de lançamento da aplicação de messaging Veon. Para este filme contratou também o director de fotografia português Duarte Domingos. Agora, Norton está a trabalhar no release de outro anúncio para a Playboy.
A propósito da nova representação em Lisboa, Norton relembra M&P que “nos meus velhos tempos de acting no princípio dos anos 2000, filmei alguns anúncios com a Krypton. Nessas experiências ficou bem claro que eles estavam ao mais alto nível de produção em Portugal. Há uns meses, quando decidi que era altura de tentar ser representado no mercado português, a minha pesquisa de produtoras começou com a Krypton e acabou com a Krypton. Entre as outras boas produtoras em Portugal, a Krypton destacou-se como tendo as características ideias para mim”, conta.
A propósito da sua vida profissional em Los Angeles, Norton descreve ao M&P o seu quotidiano: os representantes nos diferentes territórios enviam-lhe “briefs de videoclipes e anúncios e eu tento escolher apenas os que me entusiasmam e desafiam. Por causa das diferenças horárias, os meus dias começam e acabam a horas pouco ortodoxas. Grande parte dos meus dias consiste em escrever treatments, pesquisar referências, e procurar inspiração fora dos ecrãs de computador, iPhone e iPad. Vou a muitas exposições, screenings de novos filmes independentes e faço questão em fazer pelo menos uma viagem a um sítio onde nunca fui por ano”.
Olhando para o seu reel, Norton considera “que o storytelling é a base do meu ADN de realização. Conceitos inesperados e técnicas inovadoras de efeitos visuais ou truques in-camera também fazem parte das minhas ambições”, aponta.


Deixe aqui o seu comentário