Last Lap entra no Brasil

Por a 29 de Julho de 2011

A Last Lap, empresa de eventos de origem espanhola e com escritório em Lisboa, pretende entrar no Brasil. “Até ao fim do ano estaremos no Rio Janeiro, para preparar em 2011 o que será 2012”, avançou ao M&P Jesús Rodríguez Serrano, um dos fundadores da agência, que justifica esta aposta com “a situação económica muito mais favorável que se vive no Brasil e com os Jogos Olímpicos e Mundial de Futebol”. “Trabalhamos com a Nike em Espanha e Portugal, e tentaremos trabalhar no Brasil. Ocorre o mesmo com a Playstation. Já com a Red Bull trabalhamos em Espanha, mas por enquanto em Portugal não. O nosso cartão de visita são os eventos que já fizemos”, continua.

A agência especializou-se em eventos desportivos. “Éramos três desportistas e começámos a organizar corridas de montain bike há 23 anos. Não imaginávamos que nos iríamos dedicar a isto a tempo inteiro ou que a Last Lap iria ter este tamanho”, recorda Jesús Rodríguez Serrano. A empresa, que integra agora o RCS Mediagroup, que detém, entre outros, o El Mundo, o Corriere della Sera e La Gazzetta dello Sport, pretende facturar este ano entre 15 a 18 milhões de euros.

“Em Portugal, estamos a fazer mudanças e acho que a agência terá mais visibilidade. Se fizermos um evento grande em Portugal, será uma forma de dar um empurrão à operação. Estamos contentes e a empresa funciona bem”, refere o mesmo responsável. O português Luís Sepúlveda está, desde o início do ano, à frente da Last Lap Portugal, tendo vindo da Mini Espanha, onde era responsável pela área de eventos.

As sinergias de eventos entre Portugal e Espanha deverão ser potenciadas. “No fim do Verão temos um evento sobre veículos propulsados por energias renováveis, que vamos fazer em Madrid. Estamos a tentar leva-lo também para Lisboa. Há grupos de estudantes que estão a desenvolver estes carros e são muitas as marcas que estão a apostar nas energias limpas. Queremos que este evento possa ser um êxito tanto em Madrid como, caso se realize, em Portugal. Estamos à procura de sponsors”, continua. Mesmo assim, o responsável traça uma fronteira entre os eventos nos dois mercados. “Em Espanha os eventos desportivos estão na moda, já a cultura musical em Portugal é mais evoluída que em Espanha. Em Espanha não fazemos muitos eventos de música e até nos custa encontrar patrocínios.”

Entre os principais eventos realizados pela Last Lap em Portugal estão a Corrida do Tejo, a Corrida da Luz e o Martini Racing Tour. Já em Espanha constam a Festibike, a corrida San Silvestre Vallecana, Monster Jam, Stadium Race e Red Bull X-Fighters.

Deixe aqui o seu comentário