Inditex muda etiquetas na roupa da marca Bershka para não ofender clientes muçulmanos

Por a 22 de Fevereiro de 2006

A Inditex, grupo espanhol que detém, entre outras, as marcas Zara e Bershka, alterou as etiquetas das roupas da nova colecção da Bershka nas quais estava desenhada uma mesquita.

Alguns clientes da marca no Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, queixaram-se das etiquetas por terem «imagens de uma mesquita misturadas com símbolos de amor e comentários sugestivos», revelou uma publicação deste país. O grupo espanhol preferiu trocar as etiquetas e emitir um pedido de desculpas aos seus clientes no Dubai através de um comunicado escrito em árabe.

A etiqueta em causa pretendia imitar um postal enviado de algum lugar exótico e em que se vê uma mesquita como fundo.

Deixe aqui o seu comentário