A seleçção natural

Por a 30 de Novembro de 2000

Nos próximos cinco anos, a internet vai ser imprescindível para as empresas e para o público em geral. Até ao momento ainda não o é, mas a variedade de serviços e de possibilidades que este meio de comunicação oferece é de tal forma apetecível que o número de utilizadores aumentará de forma significativa no futuro próximo. Isso sente-se em todo o lado, sendo bastante visível na grande diferença de escrita que corre nos jornais, no linguajar dos mais novos nas faculdades e na nova geração que se assume como “viciada” na internet.

A televisão interactiva, já com data marcada, e a utilização da internet na televisão vão ser o salto na revolução dos media em Portugal. É uma questão de muito pouco tempo e também de legislação que permita ás empresas instalarem-se na net sem medo. E porque o tempo passa depressa, a definição urgente das regras impõe-se para que o meio se torne mais credível. Assim, as instituições arriscam e os que querem anunciar tiram partido. Só desta forma a publicidade pode dar o salto na internet e tornar rentável um meio que tem todas as consições para que isso aconteça. As bases já existem há muito tempo e as condições estão disponíveis. É agora preciso potenciá- -las para que seja possível seguir a par do pelotão europeu.

O que é engraçado é que as pessoas já não se lembram que foi assim que aconteceu com a televisão, foi o que se passou com a rádio e com os outros meios de comunicação tradicionais. É isso que vai acontecer com a internet.

Apesar de haver ainda muitos desconfiados da viabilidade do negócio através da internet, aqueles que já investiram e esperam ver o retorno estão a ganhar tempo em relação aos outros, porque, como em qualquer negócio, o conhecimento é um dos melhores capitais. Por isso, quem ainda não aderiu e tem dúvidas, acredite que a internet é o futuro não tão distante assim. Como em todos os meios de comunicação, vence quem souber comunicar e chegar ao consumidor da melhor maneira.

Deixe aqui o seu comentário